Tatiana Bevilacqua

O processo é muito mais do que eu podia imaginar. É de fato, como várias pessoas relatam, um divisor de águas. Não há como sair dessa experiência da mesma maneira que se entrou. Vejo que me equivoquei quando pensei que, ao entrar no processo, automaticamente encontraria respostas. E, embora eu muitas vezes ansiasse por essas respostas, a beleza foi justamente esta: saber-me a única capaz de dizer a verdade que existe em mim. Nesse sentido, as respostas que encontrei não estavam prontas esperando por mim; foram descobertas e vieram sempre de dentro. As ferramentas que me foram ensinadas pra aprender a ouvir a mim mesma são as coisas mais preciosas que tenho. Quando confio no meu próprio poder de decisão, quando sei que eu tenho a resposta que eu preciso, posso ir nessa direção. Confiar na resposta interna é poder caminhar, é escapar da paralisia do medo. Esse trabalho retirou minhas vendas e me lembrou que só isso não bastava: era preciso que eu abrisse os olhos. E tirei pra mim justamente o aprendizado de que o crescimento só vem pelo esforço próprio. Que a responsabilidade por minha vida é exclusivamente minha. Vi, senti e vivenciei o meu poder de escolha entre ser ou não feliz. Findo o processo, vejo diversos desafios pela frente. Há coisas que resolvi, que já se transformaram, e outras que não. Mas a transformação fundamental, a expansão da auto-consciência, se deu. E a partir daí sinto que posso promover qualquer outra mudança; agora eu posso me observar com honestidade e reconhecer meus padrões. O reconhecimento é, sem dúvida, o primeiro passo pra qualquer transformação. Eu poderia escrever pra sempre sobre diversos aspectos, mas em suma: o processo é um trabalho honesto, respeitoso e extremamente amoroso. Exige muita coragem e disponibilidade. Mas também proporciona muito prazer e divertimento, num ambiente de absoluta confiança. Joana e Fausto são dois terapeutas incríveis! Muito amor por eles, pelos passantes e pelos amigos de caminhada. Durante todo o processo terapêutico eu senti muita gratidão por estar ali e quando penso no que vivi, sinto de novo. O processo me comove, me enche de amor e de vontade de dançar.

Contato tatianabebeagua@gmail.com